Porque informação é como a água: indispensável.

A questão da água: uma preocupação mundial

24 de fevereiro de 2021

A escassez de água é um problema de ordem global que implica diversos desafios à sociedade para preservação dos recursos hídricos.

Por Rafaela Sousa (Graduada em Geografia) e Maria Vanessa Sardinha

Antes, a água era considerada um recurso inesgotável. Hoje, já se sabe que devido a diversos fatores como o desperdício, a poluição, o crescimento populacional, as mudanças climáticas, a urbanização e a industrialização, os recursos hídricos estão ficando cada vez mais escassos, gerando conflitos em diversas regiões do mundo. A questão da água é, portanto, uma das mais preocupantes discussões do século.

Segundo o secretário geral da Organização das Nações Unidas, António Guterres, mais de 2 bilhões de pessoas no mundo todo não têm acesso à água própria para o consumo. O secretário afirmou também que, até 2050, pelo menos uma a cada quatro pessoas viverá em um país que enfrentará a falta de água potável. Ele alerta as desigualdades encontradas entre os países desenvolvidos e os países em desenvolvimento.

De acordo com informações divulgadas pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), enquanto em países da África, que já sofrem com a escassez de recursos hídricos, uma pessoa usa por dia entre dez a quinze litros de água; em Nova York uma pessoa pode chegar a utilizar por dia dois mil litros de água. Dados da UNESCO revelam que a Cidade do Cabo, na África do Sul, pode ser a primeira a vivenciar a total falta de água potável.

Essas organizações apontam para a enorme necessidade de se repensar o consumo de água, o desperdício e também para a necessidade de promover ações que protejam os recursos hídricos, apontando para usos sustentáveis, bem como para a promoção de projetos que revisem os sistemas de abastecimento, de saneamento e gestão da água.

Importância da água para o corpo humano

O corpo humano é formado por cerca de 60% a 75% de água.

A água é essencial para o funcionamento do corpo humano e também do corpo de outros animais. Para se ter ideia da importância dessa substância, devemos entender primeiro a composição do nosso organismo, o qual apresenta entre 60% a 75% de água. Essa grande quantidade de água é fundamental para a realização de processos básicos, tais como:

Transporte de nutrientes para as células. Isso acontece devido ao fato de que a água é um dos componentes do plasma sanguíneo.

Regulação da temperatura do nosso corpo. Nesse ponto a água atua por fazer parte da composição do suor, o qual ao evaporar reduz a temperatura do nosso corpo.

Fundamental para a realização de diversas reações químicas que ocorrem em nosso corpo.

Atua na proteção do nosso organismo. A água está presente, por exemplo, nos fluidos das articulações e no líquido amniótico, que protege o feto durante o desenvolvimento.

Atua em vários pontos do processo de digestão, estando presente, por exemplo, na saliva.

Eliminação de substâncias. A água está presente em grande quantidade na urina, a qual apresenta substâncias que são tóxicas ou estão em excesso em nosso corpo.

Perda de água pelo organismo

Nosso organismo necessita de água para realizar suas atividades, sendo assim, deve haver sempre um equilíbrio entre a quantidade de água a ser ingerida e a quantidade adequada para o funcionamento do nosso corpo. Denomina-se balanço hídrico a diferença entre a quantidade de água que entra no organismo e que é produzida nas reações metabólicas e a quantidade de água que é perdida nos vários processos do nosso corpo.

A maior perda de água acontece pela urina. Por dia eliminamos entre 1000 mL a 2000 mL de água do nosso corpo por essa via. As fezes, por sua vez, representam uma perda baixa de água, excetuando os casos em que o indivíduo apresenta diarreia, sendo esse problema uma das causas de desidratação.

Além disso, temos a perda pela respiração, que também é considerada baixa e a perda pelo suor, que irá variar de acordo com as atividades realizadas por um indivíduo e a temperatura do meio.

Água nos alimentos

A água está presente na composição de vários produtos, sejam eles naturais ou industrializados. Isso significa que podemos conseguir obter água, não apenas ingerindo-a da maneira tradicional, mas também pela ingestão de alimentos. Vale destacar que nem todos os alimentos apresentam a mesma quantidade de água em sua composição, sendo observados alimentos com baixo teor de água e outros com porcentagens elevadas.

Quantidade de água necessária por dia

Sabemos que a recomendação do Ministério da Saúde é que se beba pelo menos dois litros de água a cada dia. Entretanto, essa quantidade é uma média e varia de acordo com alguns fatores, tais como o clima em que uma pessoa vive e as atividades físicas que ela realiza. Desse modo, é importante destacar que pessoas que praticam atividades físicas devem realizar um consumo de água maior devido à transpiração, assim como pessoas que estão expostas a altas temperaturas.

Vale salientar ainda que a recomendação da quantidade de água varia de acordo com o autor que estamos analisando. Alguns profissionais sugerem que para saber a quantidade de água que uma pessoa necessita ingerir diariamente é necessário multiplicar seu peso por 35, sendo esse cálculo baseado na ideia de que a cada quilograma de massa uma pessoa necessita ingerir 35 ml de água. Desse modo uma pessoa que pesa 70 kg deverá tomar 2450 ml ou 2,45 litros de água.

Fonte: brasilescola.uol.com.br/geografia

Onde estamos

Rua Maurício Miguel Nasser Abrão . 355
Curitiba . PR . 81312-010

Como falar com a Watters:

Pelo telefone 41 3195 . 4466
Pelo e-mail contato@watters.com.br
ou ainda pelo formulário.

Fale com a Watters

A nossa ligação começa aqui. Entre em contato e conte com as nossas soluções.

    Como falar
    com a Watters:

    41 3195 . 4466
    contato@watters.com.br

    Onde
    estamos:

    Maurício Miguel Nasser Abrão, 355
    CEP 81.312-010 | Curitiba - PR

    © 2021 - Watters - Todos os direitos reservados . Política de Privacidade

    Desenvolvido por: